quinta-feira, 1 de julho de 2021

O Dilema - B. A. Paris [Opinião]

 

Título: O Dilema
Autor: B. A. Paris
Editor: Editorial Presença
N.º de Páginas: 312

Sinopse: 
Livia faz quarenta anos e vai dar uma festa de arromba para compensar a do casamento, que nunca chegou a acontecer. Vão estar presentes todas as pessoas de quem mais gosta, exceto a filha, Marnie, que está a estudar no estrangeiro. Contudo, embora Livia adore Marnie, está secretamente satisfeita por a filha não poder estar presente. Livia tem de contar a Adam algo sobre a filha de ambos, mas está à espera do fim da festa para poderem desfrutar deste último momento de felicidade.

Adam quer que tudo seja perfeito para Livia e, por isso, combinou com Marnie a sua vinda a casa para surpreender a mãe no dia do aniversário. Durante o dia, Adam recebe uma notícia terrível. Tem de a contar a Livia, porque a festa não pode acontecer. Mas ela está tão feliz, tão entusiasmada… e os convidados estão prestes a chegar.

Neste livro de tirar o fôlego e partir o coração, acompanhamos o dia que irá mudar a história desta família para sempre. Até onde podemos ir para dar mais algumas horas - as últimas - de felicidade a quem amamos?

A minha opinião: 
Tenho um misto de sentimentos em relação a este livro e à autora. BA Paris escreveu um dos melhores thrillers que já li, “Ao Fechar a Porta” e, sempre que sai um livro dela, fico muito curiosa. Porém, nunca mais conseguiu arrebatar-me como com o primeiro e temo que a cada livro que passe o interesse por ela tenda a diminuir.

Em O Dilema conhecemos uma família dita normal. Lívia, uma mulher de 40 anos que sonha com uma grande festa. Desgostosa por nunca ter tido uma festa de casamento, Lívia começa a poupar para a festa do seu 40.º aniversário, de forma a que este seja memorável. Vai reunir todas as pessoas que mais gosta, mas a filha não vai conseguir estar presente já que se encontra a estudar fora.

Durante apenas um dia vamos viver o sonho juntamente com Lívia, mas o pesadelo em que vive Adam o seu marido também estará sempre presente. Isto que porque Adam esconde um terrível segredo que, caso seja descoberto, destruirá para sempre o seu dia. E o dilema será mesmo esse. Até que ponto iria para não destruir o sonho de alguém que ama. Até que ponto conseguiria aguentar um segredo que devastaria toda a gente à sua volta.

Ao longo do livro vamos sofrendo juntamente com Adam, que ama incondicionalmente a sua família. Mas será que este segredo não irá destruir tudo?

Gostei imenso da forma como BA Paris contruiu toda esta história, e a carga dramática que lhe incutiu. Do que não gostei foi do pouco desenvolvimento que ela lhe deu, tornando livro um pouco monótono e com pouco ritmo.