domingo, 14 de março de 2021

Luz Negra - Lisa Gardner [Opinião]

«Quando acordas pela primeira vez dentro de uma caixa de madeira, dizes a ti própria que tal não está a acontecer. Empurras a tampa, claro. Mas não há surpresas. Bates nos lados com os punhos e com os calcanhares no fundo. E gritas. Bates com cabeça, uma e outra vez, embora te faça doer. E gritas. Gritas, gritas. O ranho escorre do nariz. Como lágrimas, dos olhos. Até que os gritos te saem aos soluços. Depois ouves filhos estranhos, tristes e patéticos e compreendes que se trata de uma caixa e ... é verdade, estás fechado de uma caixa escura de madeira ... e apercebes-te de que esses filhos saem de ti. »

Flora Dane passou 472 dias enclausurada numa caixa de madeira, num abismo de trevas, à mercê de um louco. E sobreviveu a esse inferno com um único fito: fazer tudo para garantir que nunca mais seria apanhada.

Já está disponível em exclusivo no Círculo de Leitores «Luz Negra», mais um thriller viciante e arrepiante de Lisa Gardner.

Encontre a sua próxima leitura no Círculo de Leitores e encomende os seus novos livros a partir de casa, de forma cómoda e segura.

A minha opinião: 
Luz Negra é o oitavo livro da série D. D. Warren e talvez o que menos gostei de ler.

472 foram os dias em que Flora Dane esteve refém de um raptor e violador.

Desses dias., muitos deles foram passados dentro de uma caixa, até a jovem conseguir conquistar a sua confiança. Ao ponto de Jacob a levar com ela nas suas viagens de trabalho.
Em alguns aspectos este livro lembrou-me O Homem de Areia da dupla Lars Kepler, mas este foi substancialmente mais fraco.

As diversas repetições relativamente ao cativeiro da jovem relegando a investigação para segundo plano fizeram com que a acção esmorecesse. Por isso mesmo, não imprimiu uma narrativa rápida e angustiante, ingredientes que procuro neste género de livros. 






Sem comentários: