sexta-feira, 16 de abril de 2021

A Rapariga do Fim - Leslie Wolfe [Opinião]

Título: A Rapariga do Fim
Autor: Leslie Wolfe
Editor: Alma dos Livros
N.º de Páginas: 328

Sinopse: 
Depois de o corpo de uma modelo famosa ter sido encontrado sem vida, Tess Winnett recusa-se a aceitar a tese de suicídio e inicia uma investigação para descobrir os verdadeiros motivos daquela morte. Não pode ser de ânimo leve que alguém decide pôr termo à própria vida e ainda menos quando parece ter o mundo aos seus pés.

À medida que se propaga uma onda de crimes assustadora, muitas questões se vão colocando, mas poucas são as respostas concretas. Ninguém sabe que existe um serial killer à solta. Ninguém, exceto Tess. A sua investigação revela mistérios há muito enterrados e mostra uma relação entre as diversas mortes. A agente especial do FBI retira apenas uma conclusão: alguém tem o controlo deste jogo perigoso. E não é ela. Com pouca informação e ainda menos pistas, Tess Winnett tenta encaixar todas as peças de um cenário mortal com um grande número de vítimas em potência. Quanto mais tempo se atrasa, mais uma belíssima jovem se prepara para morrer. Há um plano macabro em execução e a próxima vítima está a ser atraída para um labirinto sem paz nem retorno. Afinal, como se pode fugir de um assassino que não se sabe que existe?

A minha opinião: 
Tess Winnett, já conhecida dos leitores portugueses, vai deparar-se com um caso peculiar. Uma modelo famosa aparece sem vida, num caso aparente de suicídio. Mas a detective é perspicaz e acha aquela morte estranha, sobretudo porque na mesma altura foram publicadas fotos da mesma jovem com o intuito de prejudicarem a sua carreira. Por isso mesmo, contra todas as possibilidades, Tess começa a tratar a sua morte com um caso de homicídio. 

À medida que ainvestigação avança as provas vão dar razão a Tess que se vê parente um assassino em série completamente implacável. 

As vítimas são todas elas famosas, sobretudo através das redes sociais, o que torna a história bastante atual. Numa altura em que a população dá demasiada importância àquilo que se passa nas redes, "colocando" uma pessoa anónima e, muitas vezes, sem grande valor, numa celebridade, Leslie mostra como uma mente completamente distorcida e alucinada pode mudar completamente as vidas destas jovens. 

O Ladrão de Vidas, assim é designado pela polícia, intriga os investigadores, que não conseguem perceber qual o móbil dos crimes. Isso faz com que seja mais difícil de identificar o assassino, que se mostra atrás das câmaras com um fato de latex que lhe muda completamente as formas. 

Gostei desta leitura, embora não se fosse um livro que me empolgasse sobremaneira. Pode ter-se devido ao método utilizado pelo assassino para matar as suas vítimas, que foi um tanto semelhante a outro livro que li anteriormente do autor Chris Carter, Um por Um. No entanto, é uma leitura que vale a pena. 






Sem comentários: