quarta-feira, 28 de setembro de 2016 | By: Maria Manuel Magalhaes

«Inferno» de Dan Brown adaptado ao cinema por Ron Howard

A 13 de outubro, «Inferno» chega às salas de cinema portuguesas. Depois do enorme sucesso com a adaptação dos livros «O Código da Vinci» e «Anjos e Demónios», de Dan Brown, Ron Howard promete aproximadamente duas horas de emoções e reviravoltas.
Contando mais uma vez com Tom Hanks como Robert Langdon, «Inferno» é o resultado de uma enorme mistura de intriga e momentos emocionantes. Lançado em julho de 2013, o livro inicia-se com Robert Langdon, o reputado simbologista de Harvard, que acorda numa cama de hospital sem se conseguir lembrar de onde está ou como ali chegou. Ao virar de cada página, o protagonista apercebe-se que está envolvido numa luta contra o tempo para salvar o mundo de uma ameaça terrível.
«Inferno», que esteve no primeiro lugar de vendas nos Estados Unidos da América e no Reino Unido, já vendeu mais de 6 milhões de cópias em todo o mundo.
«O Inferno está repleto de truques (…) O senhor Brown acaba não só por nos deixar um trilho de migalhas acerca de Dante (afinal de contas, isto é o Inferno), mas também por brincar com os conceitos de tempo, género, identidade, célebres atrações turísticas e medicina futurista.(...) A grande ênfase está na prodigiosa pesquisa e na paixão por factoides que enformam as histórias do senhor Brown, a facilidade com que os põe em ação, os truques engenhosos e os grandes clímaces.» - The New York Times
«O mais próximo que um livro pode ser de um filme de verão estrondoso.» - USA Today
«Rápido, inteligente, bem informado. Dan Brown é o mestre do thriller intelectual.» - The Wall Street Journal
«Dan Brown no seu melhor.» - The Washington Post
«Puro divertimento, mensagens codificadas, história da arte, ciência e uma catástrofe iminente.» - Daily News

Sinopse:
«Procura e encontrarás.»
É com o eco destas palavras na cabeça que Robert Langdon, o reputado simbologista de Harvard, acorda numa cama de hospital sem se conseguir lembrar de onde está ou como ali chegou. Também não sabe explicar a origem de certo objeto macabro encontrado escondido entre os seus pertences.
Uma ameaça contra a sua vida irá lançar Langdon e uma jovem médica, Sienna Brooks, numa corrida alucinante pela cidade de Florença. A única coisa que os pode salvar das garras dos desconhecidos que os perseguem é o conhecimento que Langdon tem das passagens ocultas e dos segredos antigos que se escondem por detrás das fachadas históricas.
Tendo como guia apenas alguns versos do Inferno, a obra-prima de Dante, épica e negra, veem-se obrigados a decifrar uma sequência de códigos encerrados em alguns dos artefactos mais célebres da Renascença - esculturas, quadros, edifícios -, de modo a poderem encontrar a solução de um enigma que pode, ou não, ajudá-los a salvar o mundo de uma ameaça terrível…
Passado num cenário extraordinário, inspirado por um dos mais funestos clássicos da literatura, Inferno é o romance mais emocionante e provocador que Dan Brown já escreveu, uma corrida contra o tempo de cortar a respiração, que vai prender o leitor desde a primeira página e não o largará até que feche o livro no final.

Sobre o autor:
Dan Brown nasceu em 1964 nos Estados Unidos. É autor de vários best-sellers, incluindo O Código Da Vinci, que se tornou um dos livros mais vendidos de todos os tempos. Logo no primeiro dia vendeu mais de seis mil cópias. Chegou a Portugal em 2004 e em poucos meses atingiu as onze edições. O sucesso do livro foi de tal ordem que foi adaptado ao cinema, tal como o romance que escreveu em 2000: Anjos e Demónios.
Os livros de Brown estão publicados em 52 línguas e já vendeu mais de 200 milhões de exemplares em todo o mundo. Em 2005 foi considerado uma das 100 pessoas mais influentes do mundo pela revista TIME.
Filho de um professor de matemática e de uma intérprete de música sacra, Dan Brown estudou numa escola onde desenvolveu um fascínio paradoxal entre ciência e religião. Temas estes que são a base para os seus livros. É graduado pelo Amherst College e pela Phillips Exeter Academy. Entre todos os seus feitos, está o de conseguir colocar simultaneamente os seus quatro primeiros livros na lista de mais vendidos do The New York Times.
http://www.danbrown.com/