terça-feira, 12 de janeiro de 2016

Novidade Esfera dos Livros: A Corporação Invisível de Luís Sítima e Hugo V. Costa

A Corporação Invisível é um thriller escrito a quatro mãos e passado entre Londres, capital do dinheiro e da finança, e o antigo Egito, através de uma sociedade secreta inspirada num código de conduta milenar.

Carlos Anderson dos Santos é o líder de uma das maiores farmacêuticas do mundo e uma das «personalidades da década» segundo a revista Forbes. Mas o nome do milionário é também o mais recente numa lista de inexplicáveis desaparecimentos de gestores na City de Londres. Para evitar o pânico nos mercados e o colapso do império que Charlie fundou, os seus pares decidem abafar a notícia a todo o custo e contratam um detetive privado, que se infiltra na empresa com a clara missão de vigiar os principais suspeitos – os membros, ávidos de poder, do Conselho de Administração. Até que, inesperadamente, uma estranha mensagem leva o investigador a embarcar numa viagem repleta de mistérios e segredos de tempos imemoriais.

Sobre os autores:
LUÍS SÍTIMA nasceu em Lisboa em agosto de 1974. É worldwide partner da consultora de gestão Hay Group, diretor do Hay Group em Portugal e professor convidado na Porto Business School, onde coordena o Programa Avançado de Liderança. Ao longo do seu percurso profissional, destaca-se ter sido membro da Comissão Executiva do Hay Group para a Europa do Sul e professor convidado na Universidade Católica de Lisboa. É autor de vários livros sobre Gestão, Liderança e Mudança e orador frequente em congressos nacionais e internacionais. É licenciado em Administração de Empresas pela Universidade Católica de Lisboa e mestre em Estratégia pelo ISCTE.

HUGO V. COSTA nasceu em Lisboa em abril de 1974. Licenciou-se em Comunicação Social no ISCSP, tendo começado no jornalismo pelas redações do Diário Económico e do Jornal de Notícias. Foi redator de Turismo e de Publicidade e viveu em Londres, onde integrou a equipa de Marketing e Comunicação da sucursal britânica de um dos maiores bancos asiáticos. Pelo meio, participou como músico e letrista em diversos álbuns de música portuguesa ao lado de nomes como Viviane, Santos e Pecadores ou Líderes da Nova Mensagem, uma das bandas pioneiras do hip-hop em Portugal e da qual fez parte.





Sem comentários: