terça-feira, 12 de janeiro de 2016

«A Queda de Wall Street» - O maior bestseller de sempre sobre a crise chega aos cinemas


A Queda de Wall Street


A incrível e verídica história da crise,  vista pelos outsiders que previram o colapso  da economia - e que com isso lucraram milhões.

A Lua de Papel reedita o bestseller de Michael Lewis no qual se baseia o filme  homónimo protagonizado por Brad Pitt,  Christian Bale, Steve Carell e Ryan Gosling,  que estreia a 14 de janeiro.
“Wall Street, tal como uma pessoa perversa e inteligente,  é muitas vezes alvo de suspeitas, mas nunca chega a ser condenada.”  Michael Lewis

Esta quinta-feira, dia 14 de janeiro, irá estrear em Portugal A Queda de Wall Street (The Big Short), o filme baseado no bestseller homónimo de Michael Lewis que terá nova edição na Lua de Papel na mesma data. Esta reedição apresenta uma capa alusiva ao filme realizado por Adam McKay e protagonizado por Brad Pitt, Christian Bale, Steve Carell e Ryan Gosling. A adaptação cinematográfica daquele que é o maiorbestseller de sempre sobre a crise está nomeado para quatro Globos de Ouro (Melhor Ator – Christian Bale e Steve Carell, Melhor Filme e Melhor Argumento) e para cinco Prémios Bafta (Melhor Filme, Melhor Realizador, Melhor Ator Secundário - Christian Bale - e Melhor Argumento Adaptado).

Lançado em Portugal pela Lua de Papel em 2012, o bestseller A Queda de Wall Street foi eleito o livro de não ficção desse ano pela revista Time, tendo chegado ao primeiro lugar do top do jornal New York Times.

Da autoria de Michael Lewis, considerado o melhor jornalista americano na área das finanças, A Queda de Wall Street veio revelar uma perspectiva radicalmente nova sobre a crise. Em vez de se focar nos grandes bancos de investimento, ou nas políticas macroeconómicas, apresenta-nos o mundo da alta finança e das agências de rating como nunca antes visto e narra-nos a história dos visionários que previram a crise financeira – e que com isso ganharam milhões de dólares.

O livro:

Com apenas 24 anos, Michael Lewis foi contratado pelo banco Salomon Brothers e enviado para Londres como consultor. Apesar de receber centenas de milhares de dólares por ano, não percebia nada de acções ou investimentos. Três anos depois, consideravelmente mais rico, bateu com a porta, escreveu um bestseller a relatar a sua experiência (Liar’s Poker). E ficou à espera: tinha a certeza de que Wall Street, mais cedo ou mais tarde, iria cair com estrondo.
Esperou mais de 20 anos. Entretanto, nos bastidores do coração financeiro da América, a podridão crescia. E em 2007, Michael Lewis descobriu uma série de investidores que estavam a apostar tudo justamente na queda do sistema. Eram pessoas que viviam à margem da sociedade, desde um autista cego de um olho, a dois jovens que montaram a sua empresa numa garagem. Todos eles tinham colocado uma questão: e se o preço das casas cair? O que acontecerá ao mercado do subprime?
A Queda de Wall Street (The Big Short), provavelmente o maior bestseller de sempre sobre a crise, apresenta uma perspectiva radicalmente nova. Em vez de se focar nos grandes bancos de investimento, ou nas políticas macroeconómicas, narra-nos a história dos visionários que previram a mudança de paradigma – e que com isso ganharam milhões de dólares.

As críticas:

“Este livro não tenta oferecer-nos uma perspetiva macro da crise financeira. Em vez disso abre-nos uma pequena janela com vista para a tragédia, e conta-nos a história de alguns ‘renegados’ que apostaram tudo na presunção de que o sistema estava podre. Lewis faz um trabalho extraordinário ao usar a história dessas pessoas para ilustrar a ganância, estupidez e hipocrisia de um sistema que ninguém fiscaliza...” New York Times

“É, até à data, o mais verdadeiro retrato do que correu mal em Wall Street – e porquê. Lê-se por vezes como um conto moral, outras vezes como uma farsa.” 
Washington Post

“Lewis leva-nos ao interior dos bancos de investimento e das agências de rating, para nos demonstrar que ninguém percebia o que se estava realmente a passar... Um dos melhores livros sobre a crise até ao momento.”
 Time Magazine

“Quer os leitores especializados, quer os leigos na matéria vão ficar tão esclarecidos como perturbados com este relato trepidante. Altamente recomendado.” 
Library Journal

Sobre o autor:
Formado na Universidade de Princeton, e com um mestrado da London School of Business, Michael Lewis foi contratado pelo banco Salomon Brothers mal acabou os estudos, aos 24 anos. Depois de um breve estágio em Nova Iorque, passou três anos em Londres como consultor de investimentos. Em 1989 publicou Liar’s Poker, um livro que relatava a sua experiência e que durante meses esteve em primeiro lugar no top de vendas do New York Times.
Foi o primeiro de uma série de trabalhos de investigação de grande fôlego, onde se conta ainda Moneyball, The Blind Side (adaptado ao cinema com o título português de Um Sonho Possível) ou o recente Boomerang (a publicar em breve pela Lua de Papel).
O autor é considerado atualmente um dos melhores jornalistas financeiros americanos.

Mais informações em www.michaellewiswrites.com




Sem comentários: