domingo, 1 de abril de 2018

O mês em leituras - março e A Estante está mais Cheia

Comparado com os primeiros dois meses do ano em que li bastante, o mês de março foi parco em leituras. O motivo é apenas um: comecei um novo trabalho, que ainda me estou a adaptar, que me tem roubado algum tempo de leitura. É um trabalho que estou a gostar muito, numa área que adoro, que é o mundo dos livros. E espero retomar o meu tempo de leitura e também de opiniões.
A primeira leitura foi O Enigma do Sapato de Agatha Christie. Gostei, embora não tenha adorado este livro cujo detective principal é o meu favorito: Poirot.
 Li também um livro que tinha muita curiosidade visto ser baseado em factos verídicos. A opinião ainda não está no blogue, como nenhuma destas leituras do mês, mas posso garantir-vos que esta é uma leitura a não perder.
No seu mundo de Jodi Picoult fez parte do projecto #umanocomjodi e foi, portanto, uma leitura conjunta que muito prazer me deu ler. Esta foi uma leitura cinco estrelas de uma autora que é muito especial.
Apagar Estocolmo foi a desilusão do mês. Talvez por ter arrastado tanto a sua leitura não consegui ler mais nenhum livro. Demasiadas personagens que se movimentam pelo submundo do crime, fez com que achasse uma leitura dolorosa e nem o facto de ter lido mais de trezentas páginas me demoveu a abandonar o livro. Não consegui mesmo continuar.

Aliado às leituras vieram cá para casa alguns livros que desejei assim que saíram:





Obrigada às editoras parceiras pelo envio dos livros. Estou muito curiosa com todos eles.
Não resisti ainda a comprar, no Dia da Mulher:
O novo livro da Jodi Picoult em ebook
E ainda recebi de oferta do meu marido um livro que estava com 50% de desconto na Note (o meu novo trabalho). Acho que me vou perder em muitas compras!!!!



Sem comentários: