domingo, 18 de junho de 2017

Planeta: Se Conhecessem a Minha Irmã... de Michelle Adams nas livrarias a 21 de junho

Título: Se Conhecessem a Minha Irmã...
Autor: Michelle Adams
N.º de Páginas: 312
PVP: 17,99 €
Nas livrarias a partir de 21 de Junho

Duas irmãs. Duas vidas separadas.
Uma família marcada por um segredo angustiante.
A família tem o poder de nos prejudicar...
Durante toda a vida ela pensou que foi dada porque a família não a desejava.
Mas e se a verdade é algo muito pior?
Não escolhemos a família.
Ela nunca pensou voltar a casa.
Mas há alguma coisa na voz da irmã e não consegue recusar.
E não foi sempre assim?

A estreia electrizante de um novo talento internacional no género do suspense psicológico.
Publicação em 20 países e direitos cinematográficos já vendidos.
Jogos de sombras, de fantasmas e de espelhos e uma tensão psicológica.
As duas irmãs – protagonistas desta arrepiante história -, inimigas e opostas, reconstituem pouco a pouco um par muito mais de fusão do que de gémeas.
Elas são como dois pólos que se atraem e se repelem irresistivelmente.
Uma história arrepiante e trágica na mesma medida.
«Desculpa ter feito um acrescento à tua lista de cicatrizes. Pensei que poderia acabar por parecer uma borboleta. Mas devias estar-me grata. Ao contrário da Irini, pelo menos estás viva.»

O QUE DIZ A CRÍTICA INTERNACIONAL
«O romance de estreia de Michelle Adams, Se Conhecessem a Minha Irmã, é provavelmente o livro mais assustador, inquietante e deliciosamente sinistro livro do ano. Este livro entranhou-se-me desde a primeira página e manteveme viciado até ao fim.» Cosy Books
«Um livro altamente viciante e imprevisível de leitura obrigatória para 2017.» Whispering Stories
«Se Conhecessem a Minha Irmã é um livro com uma leitura emocionante leitura rápida e altamente viciante. A escrita convincente cria uma tensão e apreensão fabulosas. Uma estreia fantástica de Michelle Adams. The Bookmagnet

A HISTÓRIA
Irini é médica e vive com o namorado, Antonio com quem mantém uma relação pouco feliz, e não tem laços com família. Tem uma irmã, Elle, mas nunca se vêem. Quando Irini tinha três anos, os pais entregaram-na à tia para criar. Irini nunca soube por que não era desejada nem porque a desprezaram. Após anos sem contacto, Elle começa a telefonar-lhe de madrugada. A mãe morreu e Elle insiste que Irini vá ao funeral.
Achando que pode ser uma oportunidade para saber a verdade, parte para a Escócia, onde a irmã a espera no aeroporto. A visita corre muito mal, pois o pai não a quer ver e diz-lhe que tomou a opção certa quando persuadiu a mulher em dar a filha.
Por outro lado o comportamento de Elle é errático. Na manhã seguinte, Irini descobre que o pai sofreu uma overdose de Valium que ela tinha na bagarem. Parte de imediato e quando chega a casa descobre na bagagem o testamento do pai, onde lhe deixa tudo.
Quando ainda está a processar tudo o que aconteceu a polícia quer falar com ela, pois Elle desapareceu e tudo parece indicar que Irini montou um esquema para ficar com a herança. Recusando-se a ser usada mais uma vez pela família, Irini faz uma investigação paralela à da polícia e descobre segredos perturbadores e percebe que Antonio a traiu com a última pessoa que esperava, que a irmã esteve internada num hospital para doentes e que teve outra irmã que morreu em circunstâncias suspeitas.

A AUTORA
Michelle Adams cresceu em Inglaterra e agora vive no Chipre, onde trabalha em part-time como cientista. Leu um dos romances de Stephen King quando era muito nova e ficou viciada em suspense desde então.


Sem comentários: