sábado, 10 de novembro de 2012

A Rainha Adúltera - Masílio Cassotti [Opinião]

Título: A Rainha Adúltera
Autor: Masílio Cassotti
Editora:
Esfera dos livros
Preço: 24€
Páginas: 531
 

Depois de uma extensa e rigorosa pesquisa de documentos portugueses, espanhóis e italianos iniciada à doze anos, Marsilio Cassotti reconstrói a tragédia de Joana de Portugal e da sua filha, a Excelente Senhora e desvenda a estratégia de Portugal para dominar Castela e conseguir a União Ibérica. Uma obra que fala da sexualidade, reprodução e ginecologia das rainhas do séc. XV, das intrigas amorosas das donzelas portuguesas na corte de Castela e da luta de uma mulher para defender os direitos da sua filha.

A minha opinião:


Não se consegue retratar uma personagem histórica sem criar uma envolvência total do que se passava nas cortes (portuguesa e castelhana) na altura. Marsílio Cassotti fá-lo na perfeição. Fê-lo no livro de Carlota Joaquina O Pecado Espanhol, que já tive oportunidade de ler, e fê-lo novamente n'A Rainha Adúltera.

Filha de D. Duarte e de D. Leonor de Aragão, D. Joana torna-se aos 16 anos rainha de Castela, ao casar-se com Enrique IV. Dotada de de uma personalidade forte sempre com o intuito de criar a paz entre os dois reinos, depressa criou inimizades na corte espanhola, apesar de ter dado uma filha, que sucederia ao trono castelhano. No entanto, rumores de Enrique pudesse ser estéril e impotente, razão de anulação do seu primeiro casamento com Blanca de Navarra, faz com que vários conselheiros e inimigos do casal real, a tenham denegrido, acusando-a de ser adúltera e de ter gerado mais do que um filho.
Porém, são vários os documentos que vêm desmentir tal facto. Juana de Castela, a futura Excelente Senhora, terá sido fecundada através de inseminação artificial, a primeira a acontecer na História. 

A sua filha Juana, viria a casar com o seu tio Afonso V de Portugal como era desejo de sua mãe.

Com capítulos curtos e de fácil leitura, Marsílio Cassotti descreve na perfeição o ambiente da corte, as regras a ser cumpridas pelas infantas e rainhas, as intrigas a que estavam sujeitas e toda a polícia envolvente.

Altamente recomendável.

quinta-feira, 8 de novembro de 2012

Conheça as "Histórias do Tejo" de Luís Ribeiro

Quem é que nunca teve curiosidade de saber as histórias que o Rio Tejo poderia contar ?

O jornalista Luis Ribeiro descobriu que o maior rio ibérico criou Lisboa, viu chegar os fenícios, e os romanos, foi fundamental para a conquista de Lisboa por D. Afonso Henriques, viu sair caravelas e naus que nos levaram a conhecer novos mundos, nas suas águas travaram-se batalhas navais, assistiu à queda da monarquia e à revolução dos Cravos.

O rio Tejo tem mil quilómetros de histórias para contar. Um ser vivo, o maior rio ibérico foi testemunha e protagonista de episódios marcantes e cruciais da História de Portugal. Foi o rio Tejo que criou Lisboa, rodeado de fábulas e mistérios. Acolheu os primeiros agricultores, viu chegar os marinheiros fenícios, os romanos e foi fundamental para a conquista de Lisboa por D. Afonso Henriques. As suas águas assistiram a grandes e sangrentas batalhas navais, revoltas e atentados - nomeadamente em 1910, quando da queda da monarquia, ou na revolução dos Cravos. Devoraram barcos, sem dó nem piedade, e enfureceram-se em tempestades e cheias que fustigaram quem vivia nas suas margens. Centro da atividade económica da cidade, pelo Tejo saíram caravelas e naus que nos levaram a conhecer novos mundos e chegaram princesas que se tornaram rainhas. D. Maria Pia ou D. Estefânia admiraram-se perante o colorido e a beleza do rio que as acolhia na sua nova casa. Ali morreram reis e rainhas suspiraram de melancolia. Nas suas margens, as calhandreiras despejavam os dejetos dos lisboetas. O povo amontava-se para ver chegar visitas reais e admirar um Tejo engalanado, cheio de barcos e faluas, tornado numa verdadeira passadeira de sangue azul. Lendas nasceram na sua corrente e poetas, como Camões, Bocage ou o inglês Lord Byron, nela se inspiraram. Glória e tragédia. Mistério e intrigas. Vitória e derrota. São tudo ingredientes de uma história contada ao longo destas páginas pelo jornalista Luís Ribeiro. Baseado numa apurada e extensa investigação, este livro empolgante e curioso traz-nos as histórias de um rio que faz parte do nosso dia a dia, da nossa História e, sobre o qual sabemos tão pouco.

Sobre o autor:
Luís Ribeiro nasceu em Lisboa em 1976. Vinte e três anos mais tarde, em 1999, integrou os quadros da revista Visão. Teve o seu batismo de fogo quatro meses depois, ao ser enviado para São Jorge, nos Açores, para cobrir o acidente do voo ATP SP530M, que matou 35 pessoas. Daí para cá, já fez reportagens na Gronelândia e em Svalbard, onde assistiu, em direto, às consequências do aquecimento global no Ártico; viajou para o Paquistão, de onde escreveu a história do atentado que matou Benazir Bhutto; passou pelo deserto do Saara e pelas bases militares da NATO em Sarajevo e no Kosovo; cobriu as trágicas enxurradas de 2007 em Moçambique e de 2010 na Madeira. Entretanto, em 2004, venceu o prémio nacional de imprensa «Jornalismo pela Tolerância», atribuído pelo Alto Comissariado para a Imigração e Minorias Étnicas, com a reportagem «De Portugal, com amor», feito na Ucrânia durante a Revolução Laranja. É casado e tem um filho.

A minha estante



Chega hoje às livrarias o primeiro romance erótico escrito por uma portuguesa


Título: O mundo proibido de Daniel V.
Autor:
Maria Luísa Castro
Género: Romance erótico
Número de páginas: 308
PVP: € 15,90  

O romance sensação deste Natal, escrito com paixão e sensualidade, por uma autora e jornalista portuguesa.
Se procura mais, este é o livro.


O Livro:
Uma história apaixonante. Um teste aos limites do amor e do prazer.
Verónica é uma jornalista recém-divorciada na casa dos 30 anos. Para trás deixa um casamento, uma promessa de felicidade que nunca foi concretizada e um marido que nunca foi um amante ou companheiro. Tudo muda quando a fragilizada Verónica conhece o enigmático e sensual Daniel Vasconcelos. Bonito e dono de um olhar penetrante, Daniel envolve-se com ela levando-a ao limite do prazer, a uma vertigem de sentimentos que se julgava incapaz de sentir. A vida de Verónica nunca mais será a mesma: prazer, desejo, sexo e luxúria passarão a fazer parte do seu dia-a-dia. Mas estes não serão os únicos sentimentos que experimentará ao lado de Daniel: a insegurança e a dor serão também uma constante, levando-a a questionar se valerá a pena tentar entrar num mundo tão intenso e proibido no qual chega a correr perigo de vida. Será Verónica capaz de mudar este homem para quem o prazer pessoal não tem limites, que se diz incapaz de amar mas que, ao mesmo tempo, não consegue estar longe de si? Serão eles capazes de viver uma história de amor com final feliz?


A Autora:
Maria Luísa Castro é o pseudónimo de uma jornalista portuguesa, nascida em Lisboa, desde sempre apaixonada pela escrita. Tem vários livros publicados que conquistaram os aplausos da crítica e também prémios literários. Fez o percurso de muitos jornalistas da sua geração: passou pela rádio, pela televisão e pela imprensa. O Mundo Proibido de Daniel V. é a primeira aventura desta escritora pela sensualidade e pelo erotismo, para a qual se inspirou no universo íntimo partilhado pelas mulheres, de todas as idades, com quem tem convivido ao longo dos últimos anos.



Jorge Sampaio e José Pedro Castanheira apresentam biografia na Bulhosa

O antigo Presidente da República, Jorge Sampaio, e o jornalista e autor, José Pedro Castanheira, vão estar na Bulhosa de Entrecampos, na próxima segunda-feira, 12 de novembro, às 18h00, para apresentar o livro Jorge Sampaio - Uma Biografia. Editado pela Porto Editora/Nélson de Matos, esta obra é, não só a história de um homem especial, mas também o retrato de toda uma geração que lutou contra a ditadura e ajudou a construir a democracia. É o relato do último século da vida política portuguesa.
Jorge Sampaio iniciou a sua carreira política na altura em que era estudante na Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa. Esteve envolvido na contestação ao regime Salazarista e foi líder da associação académica da faculdade (AAFDL) entre 1960 e 1961. Após a sua graduação em 1961, Jorge Sampaio iniciou uma carreira notável como advogado, muitas vezes envolvido na defesa de prisioneiros políticos.
Após a Revolução dos Cravos de 25 de Abril de 1974, Jorge Sampaio foi fundador do Movimento de Esquerda Socialista (MES), mas abandonou o projeto pouco depois. Em 1978 aderiu ao PS, o Partido Socialista, onde permanece até hoje. A sua primeira eleição como deputado por Lisboa na Assembleia da República foi em 1979. Entre este ano e 1984, foi membro da Comissão Europeia para os Direitos Humanos, onde desempenhou um trabalho importante nessas matérias. A 3 de Agosto de 1983 foi feito Grande-Oficial da Ordem do Infante D. Henrique.
Entre 1986 e 1987, foi presidente do Grupo Parlamentar do Partido Socialista. Em 1989 foi eleito Secretário-Geral do partido, um posto que deteve até 1991. Também em 1989, Jorge Sampaio foi eleito presidente da Câmara Municipal de Lisboa, tendo sido reeleito em 1993. Em 1995, Jorge Sampaio anunciou o desejo de se candidatar à Presidência da República. Ganhou a eleição logo na primeira volta, contra Aníbal Cavaco Silva, o anterior primeiro-ministro, e foi eleito presidente em 14 de Janeiro de 1996. Tomou posse deste cargo a 9 de Março. Após um primeiro mandato sem controvérsias, foi reeleito Presidente em 14 de Janeiro de 2001.
Como presidente, a sua ação destaca-se nos aspetos sociais e culturais. As suas intervenções presidenciais foram reunidas nos livros Portugueses I, II, III, IV, V e VI. No domínio económico, impulsionou a criação da COTEC Portugal. Na cena política internacional, Sampaio foi um importante contribuidor para a tomada de consciência da causa pela Independência de Timor-Leste.
A presidência de Jorge Sampaio marcou-se sempre por um senso firme de prudência e moderação, um estilo que lhe assegurou um primeiro mandato sem controvérsias. Em 2004, porém, a sua decisão de não convocar eleições antecipadas após a resignação do primeiro-ministro Social-Democrata José Durão Barroso foi contestada por todos os partidos de esquerda e acabou por influenciar a decisão de demissão do líder do Partido Socialista Eduardo Ferro Rodrigues. Em 8 de Março de 2006, (na véspera de terminar o seu segundo mandato como presidente da República) foi agraciado com o Grande-Colar da Ordem Militar da Torre e Espada, do Valor, Lealdade e Mérito. A 9 de Março de 2006 foi também agraciado, pelo seu sucessor na Presidência da República, Aníbal Cavaco Silva, com o Grande-Colar da Ordem Militar da Torre e Espada, do Valor, Lealdade e Mérito e com o Grande-Colar da Ordem da Liberdade.
Em Maio de 2006, foi nomeado pelo Secretário-Geral das Nações Unidas Enviado Especial para a Luta contra a Tuberculose. Em 26 de Abril de 2007 foi nomeado Alto Representante da ONU para a Aliança das Civilizações pelo Secretário-Geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon. Em 24 de Janeiro de 2010 recebeu o grau de doutor Honoris Causa da Universidade de Coimbra.
Jorge Sampaio é casado e tem dois filhos. No programa Os Grandes Portugueses, Jorge Sampaio obteve o 80.º lugar. A 11 de Outubro de 2010 recebeu o Doutoramento Honoris Causa pela Universidade de Lisboa aquando das comemorações do centenário da mesma, coincidindo com as comemorações do centenário da República Portuguesa (5 de Outubro).
José Pedro Castanheira é jornalista profissional. Nasceu em Lisboa, em 23 de Junho de 1952. Estudou Economia no instituto Superior de Economia, mas interrompeu o curso no 5. º ano, logo a seguir ao 25 de Abril, para abraçar o jornalismo. Entrou na profissão em Agosto de 1974. Foi chefe de redação do vespertino A Luta e trabalhou durante dez anos no semanário O Jornal. Pertence, desde 1989, aos quadros do Expresso.
Especialista em assuntos sociais, tem-se dedicado nos últimos anos à grande reportagem e ao jornalismo de investigação, em particular sobre a história recente do país e das ex-colónias. Nos últimos anos, ganhou alguns dos mais prestigiados galardões de jornalismo atribuídos em Portugal: Prémio Nacional de Reportagem de 1990, do Clube de Jornalistas; 1. º Prémio de Reportagem 1993 e 1997, do Clube Português de Imprensa; Jornalista do Ano 1994, do Clube de Jornalistas do Porta.
Foi presidente do Sindicato dos Jornalistas, em 1985/86. Presidiu à Comissão Organizadora do 3. º Congresso dos Jornalistas Portugueses, de 1998. Autor dos livros: "Os Sindicatos e o Salazarismo — A História do Sindicato dos Bancários do Sul e Ilhas (1910/1969)"; e "Quem Mandou Matar Amílcar Cabral?".

BOOKSMILE: Muitas novidades que vão trazer sorrisos e proporcionar gargalhadas à criançada


A 19 de novembro, a Porto Editora publica uma nova aventura da autoria de António Brito, SAGAL – O profeta do fim

Título: SAGAL – O profeta do fim
Autor:
António Brito
Págs: 240
PVP: 15,50 €


Uma narrativa rápida, dura e original, como o próprio herói Sagal, leva- -nos a percorrer uma história de ação e misticismo que envolve seitas, narcotráfico e corrupção.

Sinopse:
O profeta do fim é o segundo livro da série SAGAL, o aventureiro português da era moderna. A pretexto de ajudar um amigo, Sagal envolve-se com uma seita apocalíptica que anuncia a proximidade do fim do mundo, fazendo interpretações obscuras do Calendário Maia, Bíblia e Profecias de Nostradamus.
O Sagal guerrilheiro confronta-se com a seita, cujo líder, denominado Profeta, recruta acólitos anunciando-lhes a salvação dos cataclismos que se aproximam, através de cerimónias iniciáticas envolvendo cobras venenosas e bebidas alucinogénias.
Penetrando no esconderijo do Profeta nas montanhas, Sagal descobre crimes, manipulações e lavagens ao cérebro, praticados pela seita religiosa para controlar a vontade dos crentes; promete-lhes a salvação e um encontro com Deus, a troco de dízimos e doações de bens. Usando de astúcias e golpes à margem da lei, Sagal enfrenta políticos sem escrúpulos que concedem favores à seita em troca de avultadas somas em dinheiro provenientes do tráfico de haxixe e de dádivas extorquidas em nome do Senhor Jesus.


Sobre o autor:
António Brito é licenciado em Direito e trabalhou em diversas empresas multinacionais. Nasceu entre as serras do Açor e do Caramulo, concelho de Tábua, distrito de Coimbra. Antigo combatente da guerra colonial, alistou-se aos dezoito anos na Força Aérea, nas Tropas Pára-quedistas, sendo mobilizado para a guerra em Moçambique. Combateu os guerrilheiros nacionalistas em algumas das mais importantes operações militares de toda a guerra ultramarina: nas florestas da serra Mapé, nos pântanos do rio Rovuma, no planalto dos macondes, no vale do rio Messalo.
Colaborou com jornais de Moçambique e Portugal, contando histórias de guerra e de homens vivendo para lá dos seus limites. A Sextante Editora / Porto Editora publicou os seus romances: Olhos de caçador (2007), baseado nas suas vivências africanas na guerra de guerrilhas no antigo território português do Índico. Teve excelentes críticas, sendo considerado um dos melhores livros em língua portuguesa sobre a Guerra Colonial. O Céu não pode esperar (2009) introduz uma das mais belas histórias inseridas no realismo fantástico: a busca do sagrado, o amor infinito, a eternidade, os segredos das organizações clandestinas, a inquisição, a herança judaica, a diáspora dos portugueses, o dogma religioso, a ciência oculta do voo antigravitacional. SAGAL – Um herói feito em África (2012): Sagal é o arquétipo do aventureiro português da era moderna. Nasceu num bordel e foi abandonado pela mãe. Cresceu na Casa Pia e fugiu para a marginalidade. Soldado e mercenário em África, caiu e levantou-se inúmeras vezes; um sobrevivente superando as suas dores. A crítica considerou SAGAL um romance poderoso, inovador, com um estilo que agarra o leitor do princípio ao fim.


Imprensa:
Sobre SAGAL – Um herói feito em África:
Trata-se de um grande romance com uma escrita espantosa, que vai contra a corrente literária. Uma ideia fabulosa, uma metáfora do país. Parabéns. Fernando Dacosta
Sobre Olhos de Caçador:
Um documento fortíssimo, muito bem escrito. Lídia Jorge
Um dos melhores romance-testemunho sobre a guerra colonial. Luís Caetano

quarta-feira, 7 de novembro de 2012

Apresentação de "Mulheres Livres" de Maria de Belém Roseira no Porto. Dia 9 de Novembro, 18h30, FNAC do NorteShopping


O Corsário dos Sete Mares - Deana Barroqueiro [Opinião]

Título: O Corsário dos Sete Mares
Autor:
Deana Barroqueiro
Editor: Casa das Letras


Sinopse:
Fernão Mendes Pinto é o exemplo vivo do aventureiro português do século XVI, que embarcava para o Oriente com o fito de enriquecer. Curioso, inteligente, ardiloso e hábil, capaz de todas as manhas para sobreviver, vai tornar-se num homem dos sete ofícios, sendo embaixador, mercador, médico, mercenário, marinheiro, descobridor e corsário dos sete mares - Roxo, da Arábia, Samatra, China, Japão, Java e Sião - por onde, durante vinte anos, navegou e naufragou, ganhou e perdeu verdadeiros tesouros, fez-se senhor e escravo, amou e foi amado, temido e odiado. Herói polémico e marginalizado, Fernão participa em campanhas de paz e guerra, da Etiópia à China, sendo também um dos primeiros portugueses a visitar o Japão, onde introduz os mosquetes ali desconhecidos e fica nas crónicas locais como o noivo do primeiro matrimónio de uma japonesa com um ocidental. Através de Fernão Mendes Pinto e dos testemunhos das personagens com quem se cruza, na sua peregrinação pelo Oriente longínquo, a autora faz ainda a narrativa dos principais episódios da grande saga dos Descobrimentos Portugueses, como as conquistas de Goa e Malaca, o heróico cerco de Diu ou as campanhas do Preste João na Etiópia. Em sete mares se divide o romance, por onde o leitor, na pele das personagens, fará uma intrigante viagem no Tempo, ao encontro de si próprio e de mundos e povos antigos, tão diferentes e ao mesmo tempo tão semelhantes, uma peregrinação na busca incessante de fortuna, encarnada na demanda da mítica Ilha do Ouro.

A minha opinião:

Além de histórico, este novo livro de Deana Barroqueiro, O Corsário dos Sete Mares é um livro de aventuras. O retratado: Fernão Mendes Pinto, nas suas longas aventuras pelo Oriente.

É já sabido que sou fã confessa da obra de Deana Barroqueiro e todas as vezes que leio um novo livro me surpreendo pela positiva. A autora tem o condão de fazer com que fiquemos cativos à leitura das suas palavras quase como uma dependência. Consegue fazer de um livro que poderia tornar-se chato, para uma grande maioria, um autêntico prazer, cheio de aventuras pelo meio, tornando a já de si tão rica personagem com ainda mais encantamento.

Gostei de conhecer um Fernão Mendes Pinto humano, mas também aventureiro e destemido, muitas vezes perto de ser condenado à morte pelos mais diferentes motivos, nos mais variados países pelos quais passou, mas conseguindo safar-se sempre. Um português de mérito que tem vindo a ser esquecido. 


O Corsário dos Sete Mares relata a primeira década dos 20 anos que Fernão andou pelo Oriente, relatando os vários locais pode onde esteve e as diferentes culturas como se ainda vivêssemos no tempo dos descobrimentos. Os relatos sanguinários e muitas vezes chocantes de que “padeciam” a maior parte dos prisioneiros dessas paragens podem chocar o leitor mais sensível, mas criam um realismo ainda maior do que se passava na época.

Dividido por sete grandes capítulos (assim como os sete mares) marcando o espaço e tempo em que eles ocorreram, numa investigação concisa a que já habituou os seus leitores, a obra ainda é recheada de provérbios seculares, assim como excertos das épocas retratadas, que enriquece sobremaneira o romance.

Excelente.

“Se quiseres conhecer um cavalo monta-o; se quiseres conhecer uma pessoa, convive com ela.” - Japonês

 

terça-feira, 6 de novembro de 2012

25 anos, 1 livro, 1200 páginas: 16 de novembro, 19h, Ritz Clube


Novidade Oficina do Livro: A Estrada da Revolução

Título: A Estrada da Revolução
Autor:
Tiago Carrasco
ISBN: 978-989-74-1000-0
N.º de Páginas: 280 páginas
PVP: 13,90€


Depois da aventura em África que deu origem ao livro Até lá Abaixo, o jornalista Tiago Carrasco, acompanhado por João Fontes e João Henriques, fizeram-se de novo à estrada e da nova viagem de quatro meses resultou o livro A Estrada da Revolução que chega às livrarias, editado pela Oficina do Livro. Sempre com um orçamento reduzido ao mínimo, os três repórteres viajaram pelos países do Magrebe e do Médio Oriente onde despontou a chamada “Primavera Árabe”. Daqui nasce um livro que procura responder à pergunta «Como nasce uma revolução?».


O livro A Estrada da Revolução - A Odisseia de Três Portugueses pelas Rebeliões do Mundo Árabe, de Tiago Carrasco é um livro de uma humanidade extrema em que os heróis são o povo anónimo da Síria, da Líbia, do Egipto ou da Tunísia, na sua luta pela sobrevivência e pela liberdade.

Para ver filme e outras informações:
http://www.estradadarevolucao.com/

Sobre o livro:
No início de 2012, o jornalista Tiago Carrasco, o repórter de imagem João Fontes e o fotógrafo João Henriques decidiram perceber como se faz uma revolução - porque ainda não eram nascidos no 25 de Abril de 1974 e porque não compreendiam a inércia dos portugueses perante as dificuldades e a ausência de perspectivas que também eles sentiam na pele.

Fartos de brandos costumes, resolveram então fazer-se à estrada e acompanhar de perto as rebeliões em curso no Médio Oriente e no Norte de África. Ao longo de quatro meses, percorreram dez mil quilómetros de autocarro, de comboio, de barco e à boleia por uma zona do mundo em profunda agitação e mudança. Do inferno da Síria à Terra Prometida, da instabilidade da Líbia à euforia do Líbano, passando pelo caos do Egipto ou pela incerteza da Tunísia – onde o riscar trágico de um fósforo acendeu o rastilho desta Primavera Árabe - A Estrada da Revolução é uma aventura empolgante e um testemunho inspirador para todos aqueles que acreditam num mundo melhor, mais justo e mais livre.

Sobre o autor:
Tiago Carrasco nasceu há 30 anos em Lisboa, cidade onde sempre viveu. Trabalha como jornalista desde 2005. Há dois anos, na companhia dos amigos, João Henriques e João Fontes, atravessou África de jipe, de Marrocos à África do Sul, a caminho do Mundial de Futebol. A viagem daria origem ao livro Até Lá Abaixo, editado pela Oficina do Livro. Inspirado pelas revoluções no Mundo Árabe, iniciou, com os mesmos dois companheiros, uma viagem de transportes públicos de Istambul até ao berço da Primavera Árabe, aprendendo pelo caminho que tanto os desígnios de Deus como os dos tiranos são insignificantes perante a vontade do povo.

Novidade Matéria-Prima: «O último dia de um amor eterno» de Francisco Goldman

Título: O último dia de um amor eterno
Autor: Francisco Goldman
Género: Romance autobiográfico
Número de páginas: 360
PVP: € 18,50


«Maravilhosamente bem escrito. É tão bom e verdadeiro que às vezes parece que o próprio livro tem pulso.» Vanity Fair 
«Uma bela história de amor. E uma extraordinária história sobre perda.» Colm Tóibin, The New York Times
«Maravilhoso. Quanto mais amou na vida, mais este livro o vai tocar.» Entertainment Weekly


Sobre o livro:
Francisco Goldman era um homem sem sorte no amor e avesso a compromissos: a escrita bastava-lhe para viver. Até conhecer Aura Estrada, uma belíssima mulher e brilhante estudante de literatura. A paixão de Aura pela vida e pela literatura preencheram o vazio existente na vida de Francisco. Casaram no Verão de 2005, no México. O arrebatamento com que ambos encaravam a vida e o gosto pelo inesperado faziam prever uma longa vida juntos. Mas, em 2007, a dois meses de completarem dois anos de casados, Aura morre de forma trágica. Sentindo-se responsável pela morte da mulher e profundamente ferido pela sua perda, Francisco entra numa espiral autodestrutiva. Porém, depois de ter chegado a equacionar pôr fim à sua própria vida, percebeu que o mais importante seria honrar e perpetuar a memória de Aura.
O último dia de um amor eterno é a homenagem prestada à mulher amada, à brilhante estudante e escritora, a uma vida cheia de amor e partilha. Entre a ficção e a realidade, Goldman recupera tudo o que o uniu a Aura, revisitando-a, descobrindo-a, mesmo depois da sua morte, num relato por vezes duro, por vezes triste, mas também divertido. O último dia de um amor eterno é, acima de tudo, um tributo e uma expiação da dor que surge quando se perde a amor de uma vida.


Sobre o autor:
Francisco Goldman nasceu em Boston em 1954. Filho de mãe guatemalteca e pai americano, desde de muito cedo se interessou pela literatura. Professor em várias universidades e institutos, de onde se destacam a Universidade da Columbia ou o Instituto de Novo Jornalismo de Cartagena (instituição formada por Gabriel García Márquez). Autor de vários livros de ficção e não ficção, é reconhecido tanto nos Estados Unidos como no resto do mundo, sendo traduzido em mais de 15 línguas.
Colabora regularmente com publicações como a The New York Times Magazine, a New Yorker, a Harper’s ou a Esquire. É professor de escrita criativa e de literatura na Trinity Collegue. Vive entre Brooklyn e a Cidade do México. O último dia de um amor eterno, é o seu primeiro livro editado em Portugal, foi vencedor do Prémio Femina para livro estrangeiro em 2011 e eleito o melhor livro de 2011 pelo New York Times e pelo Guardian.

Novidades Presença para a 1.ª quinzena de Novembro


Título. Estrada Vermelha, Estrada de Sangue
Autor: Moira Young
P.V.P.: 15,21 €
Coleção: Via Láctea
Nº na Coleção: 107
Data 1ª Edição: 06/11/2012
Nº de Edição:
ISBN: 978-972-23-4917-8
Nº de Páginas: 336
Sinopse: Estrada Vermelha, Estrada de Sangue é um thriller futurista, uma aventura épica que se passa num período pós-apocalíptico e extremamente violento. Saba, a protagonista, é uma jovem que viveu sempre em Silverlake, numa zona inóspita e quase deserta, até ao dia em que uma tempestade de areia traz consigo um bando de terríveis criminosos que lhe matam o pai e levam consigo Lugh, o irmão gémeo que ela adora. Saba vai investir toda a sua coragem na busca do irmão, numa demanda perigosíssima e empolgante que culminará numa apoteose de pura adrenalina.  

Título: A vida de Pi
Autor: Yann Martel
P.V.P.: 16,11 €
Relançamento
Coleção: Grandes Narrativas
Nº na Coleção: 489
Data 1ª Edição: 18/01/2011
Nº de Edição: 10ª
ISBN: 978-972-23-4487-6
Nº de Páginas: 328
 
Sinopse: Filho do administrador do jardim zoológico de Pondicherry, na Índia, Pi Patel possui um conhecimento enciclopédico sobre animais e uma visão da vida muito peculiar. Quando Pi tem dezasseis anos, a família emigra para a América do Norte num navio cargueiro juntamente com os habitantes do zoo. Porém, o navio afunda-se e Pi vê-se na imensidão do Pacífico, a bordo de um salva-vidas, acompanhado de uma hiena, um orangotango, uma zebra ferida e um tigre de Bengala.

Já considerado uma das mais extraordinárias criações literárias da última década, A Vida de Pi é um livro mágico, onde o real e absurdo se misturam numa história intemporal.


Este
bestseller de enorme sucesso mundial chega agora ao grande ecrã, pela mão do realizador Ang Lee. 


Título: Aristides de Sousa Mendes - Um herói Português
Autor: José-Alain Frallon
P.V.P.: 11,25 €
Relançamento
Coleção: Destaques
Nº na Coleção: 5
Data 1ª Edição: 08/07/1999
Nº de Edição:
ISBN: 978-972-23-2502-8
Nº de Páginas: 128
Sinopse: Em Julho de 1885 nascem César e Aristides, dois gémeos de temperamentos diametralmente opostos. Aristides era tão extravagante quanto o seu irmão discreto e cumpridor. Entusiasta, generoso e aventureiro seguiu a carreira diplomática, e encontrava-se em Bordéus num tempo em que o nazismo lançara já a sua sombra sobre a Europa e o Mundo, enquanto Salazar jogava habilmente com a neutralidade. Multidões esperavam junto ao consulado para escapar ao Holocausto. Emanavam ordens do governo português para limitar a concessão de vistos, tanto mais que as tropas alemãs se aproximavam, mas Aristides assinava, dia e noite, correndo contra o tempo, obedecendo a imperativos mais altos. 

Título: Palmeiras na Neve
Autor: Luz Gabás
P.V.P.: 17,96 €
Editora:
Data 1ª Edição: 06/11/2012
Nº de Edição:
ISBN: 978-989-84-7058-4
Nº de Páginas: 516
Sinopse: Estamos no ano de 1953 e Kilian abandona a neve da montanha para iniciar com o seu irmão Jacobo uma viagem apenas de ida para uma terra desconhecida, longínqua e exótica. Nas entranhas deste exuberante e sedutor território, espera-os o seu Pai, um veterano que trabalha na fazenda de Sampaka, o lugar onde se cultiva e tosta um dos melhores cacaus do mundo.
Os jovens irmãos descobrem os encantos de uma vida social na colónia e trabalham o cacau com afinco e esforço para conseguir as melhores colheitas, conhecem o significado da amizade, da paixão, do amor, do ódio. Mas um deles irá cruzar uma linha proibida e invisível ao apaixonar-se perdidamente por uma nativa.
Esse amor pulsante e urgente, marcado pelas circunstâncias históricas, irá mudar para sempre o rumo das suas vidas.

Um magistral relato que recupera as nossas raízes coloniais aliado a uma comovente e extraordinária história de amor proibido.
 
Título: No Tempo dos Franceses
Autor: Francisco da Fonseca Benevides
P.V.P.: 13,49 €
Editora:
Data 1ª Edição: 06/11/2012
Nº de Edição:
ISBN: 978-989-84-7063-8
Nº de Páginas: 264
Sinopse: Portugal recusa-se a aderir ao Bloqueio Continental decretado por Napoleão à Inglaterra em 1806. Em agosto do ano seguinte, França faz um ultimato ao governo português: ou declara guerra à Inglaterra até dia 1 de setembro - quebrando a sua mais antiga aliança - ou as fronteiras nacionais serão atravessadas pelo exército francês. Portugal não toma nenhuma medida e, em novembro de 1807, a ameaça francesa é consumada. No final desse mês as tropas francesas estarão em Lisboa. A bandeira portuguesa é solenemente substituída pela bandeira francesa.
Entretanto a família real portuguesa foge para o Brasil. Com ela, vão também muitos nobres e fidalgos, que carregam todas as riquezas e valores que podem transportar, deixando o país entregue à governação estrangeira. Os Generais de Napoleão virão a ser inclusivamente, mais tarde, candidatos ao trono de Portugal.

A obra histórica mais emblemática sobre a ocupação francesa em Portugal
 
Título: É Natal, Stilton!
Autor: Geronimo Stilton
P.V.P.: 8,06 €
Coleção: Geronimo Stilton
Nº na Coleção: 52
Data 1ª Edição: 06/11/2012
Nº de Edição:
ISBN: 978-972-23-4901-7
Nº de Páginas: 128
Sinopse: «Tudo parecia pronto para a ceia de Natal com a minha família. E afinal, pobre de mim, que incrível véspera de Natal me esperava! Andei a apanhar cem mil bombons de queijo, passou-me um tir em cima da cauda, até a minha casa pegou fogo. Mas foram tantos roedores a ajudar-me! Sim, no Natal todos se sentem melhores. Que bom se fosse assim o ano todo!» 
 
Título: Os Animais da Floresta 
Autor: Christophe Boncens
P.V.P.: 8,01 €
Coleção: Diversos
Nº na Coleção: 164
Data 1ª Edição: 06/11/2012
Nº de Edição:
ISBN: 978-972-23-4779-2
Nº de Páginas: 30
Sinopse: Neste livro vais descobrir animais que gostam de viver em liberdade nas florestas. Além do seu aspeto, que as ilustrações te mostram, ficarás a conhecer as características que os distinguem. E podes também ouvir as suas vozes, se carregares no botão que se encontra sobre as fotografias.

Recomendado a partir dos 12 meses.
 
Título: Os Animais da Floresta 
Autor: Christophe Boncens
P.V.P.: 8,01 €
Coleção: Diversos
Nº na Coleção: 165
Data 1ª Edição: 06/11/2012
Nº de Edição:
ISBN: 978-972-23-4778-5
Nº de Páginas: 30
Sinopse: Neste livro encontras vários animais que podem viver contigo na tua própria casa. Vais aprender quais são os seus alimentos preferidos e os seus comportamentos característicos. As ilustrações mostram-te qual é a sua aparência. E podes também ouvir as suas vozes, se carregares no botão que se encontra sobre as fotografias.

Recomendado a partir dos 12 meses.
 

Título: Senhor Nervoso
Autor: Roger Hargreaves
P.V.P.: 2,69 €
Nº na Coleção: 21
Data 1ª Edição: 06/11/2012
Nº de Edição:
ISBN: 978-972-23-4926-0
Nº de Páginas: 36
Sinopse: O Senhor Nervoso assustava-se por tudo e por nada. Vivia por isso numa casa escondida no meio de um bosque, muito longe de tudo e todos. Mesmo assim, qualquer pequeno ruído o punha quase em estado de choque... Um dia tropeçou num vagabundo que dormia no meio das ervas do bosque...

«Senhoras e Senhores» é uma coleção que poderá dirigir-se tanto a crianças a partir dos quatro anos, como a adultos, que procurem um
gift book, simbólico e humorístico, que retrate pessoas ou situações do quotidiano em traços gerais e caricaturados. 


Título: Senhora Teimosa
Autor: Roger Hargreaves
P.V.P.: 2,69 €
Nº na Coleção: 22
Data 1ª Edição: 06/11/2012
Nº de Edição:
ISBN: 978-972-23-4927-7
Nº de Páginas: 32
Sinopse: A Senhora Teimosa, quando tomava uma decisão, ia até ao fim, desse por onde desse, mesmo que as suas decisões tivessem as consequências mais desastrosas e apesar dos avisos dos amigos que queriam protegê-la da sua teimosia. Mas será que alguém alguma vez conseguirá levá-la a desistir de uma decisão?

«Senhoras e Senhores» é uma coleção que poderá dirigir-se tanto a crianças a partir dos quatro anos, como a adultos, que procurem um
gift book, simbólico e humorístico, que retrate pessoas ou situações do quotidiano em traços gerais e caricaturados. 


Saída de Emergência no Brasil

Em Março de 2013, ano em que comemora o seu décimo aniversário, a editora Saída de Emergência vai começar a publicar no Brasil. A entrada neste novo e fascinante mercado assenta numa parceria com a Tinta-da-china Brasil.

A Saída de Emergência e a Tinta-da-china são duas editoras 100% independentes, que possuem catálogos complementares e são referências de qualidade e dinamismo nos géneros em que apostam. Esta parceria para o Brasil acontece de forma natural pois ambas as editoras acreditam que as sinergias daí resultantes são a estratégia certa para um mercado cada vez mais controlado por grandes grupos editoriais.

Publicando ficção e não ficção, a Saída de Emergência é conhecida fundamentalmente pela Colecção Bang!, onde publica os melhores escritores de literatura fantástica como George R. R. Martin, e pela sua chancela feminina, Chá das Cinco, onde publica nomes como Nora Roberts. Os primeiros autores com o selo Saída de Emergência Brasil serão anunciados ainda este ano.

Planeta - Novidades Novembro

Título: O Rei Embevedado de Amor, A Rainha Pé de Cabra, As Amantes Feiticeiras do Rei que Casou com a Cunhada e outras 208 histórias bizarras, trágicas e curiosas
dos nossos reis e rainhas

Autor: Sérgio Luís de Carvalho
N.º de Páginas: 308 páginas 
PVP: 16,90€
Nas livrarias a partir de 08 de Novembro


A nossa História não carece de sensacionalismos para demonstrar que os factos ultrapassam a ficção: basta contá-los!
Sabia que a lenda da Dama Pé de Cabra, que Alexandre Herculano imortalizou, teve por base uma dama real, que por acaso até foi nossa rainha?
Sabia que, no início do século XV, tivemos um rei que sofreu de depressão e nos conta o que sentia, tendo escrito sobre isso?
Sabia que uma das nossas rainhas dava imensos erros de ortografia, mas ficou para a História como A Educadora?
Com a seriedade, o rigor e o estilo vivo e irónico que lhe são característicos, Sérgio Luís de Carvalho dá-nos uma visão da História de Portugal como nunca tivemos – através dos esplendores e pequenas misérias das vidas reais da nossa realeza.


«Este livro traz-nos pequenas histórias que geralmente não se salientam muito nos compêndios e nos manuais; pequenas histórias que nos revelam aquilo que os nossos trinta e quatro monarcas foram e que por vezes esquecemos, ofuscados que estamos pela opulência dos brasões e pelo esplendor dos mantos: seres humanos.» Sérgio Luís de Carvalho, da Introdução

Organizado em pequenos episódios históricos e curiosidades dentro de cada reinado, permite uma leitura animada e estimula a curiosidade do leitor. Fazendo-nos seguir, cronologicamente, as peculiaridades e estranhezas de cada um dos nossos reis e rainhas, acaba por ser uma espécie de «História de Portugal sem as partas chatas», levando-nos a compreender as motivações e os cenários que levaram a que muitas coisas se passassem como se passaram.
Inclui um último capítulo sobre os vários pretendentes ao trono português hoje: sabia que D. Duarte Nuno não é o único pretendente ao nosso trono?


Sobre o autor:
Sérgio Luís de Carvalho nasceu em Lisboa em 1959. Licenciou-se em História (1981) e é mestre em História Medieval (1988). Profissionalmente é director científico do Museu do Pão. Publicou os romances Anno Domini 1348 (1990; Prémio Literário Ferreira de Castro 1989; finalista do Prémio Jean Monnet de Literatura Europeia, Cognac 2004 e finalista do Prémio Amphi de Literatura Europeia Lille 2005), As Horas de Monsaraz (1997), El-Rei-Pastor (2000), Os Rios da Babilónia (2003), Retrato de S. Jerónimo no Seu Estúdio (2006), O Destino do Capitão Blanc (Planeta, 2009), Nas Bocas do Mundo (Planeta, 2010), O Caminho dos Reis de Portugal (Planeta, 2010) e O Caminho dos Presidentes da República (Planeta, 2011). Alguns dos seus romances estão traduzidos e publicados em França e Espanha. É autor de vários livros de investigação histórica e literatura juvenil.


Título: Shadowfell
Autor: Juliet Marillier
N.º de Páginas: 384 
PVP: 19,95 €
Disponível a partir de 08 de Novembro


O regresso triunfal de Juliet Marillier, a autora best-seller do romance fantástico.

O primeiro volume da nova trilogia Shadowfell, volta a reunir personagens e ambientes do mundo da fantasia.
Uma viagem mágica pelo reino dos seres encantados que nos enfeitiça até à última página. Na terra de Alban, onde o jugo tirânico de Keldec reduziu o mundo a cinzas e terror, a esperança tem um nome que só os mais corajosos se atrevem a murmurar: Shadowfell. Diz a lenda que aí se refugia uma força rebelde que lutará para libertar o povo das trevas e da opressão.
E é para lá que se dirige Neryn, uma jovem de dezasseis anos que detém um perigoso Dom Iluminado: o poder de comunicar com os Boa Gente e com as criaturas que vivem nas profundezas do Outro Mundo. Será Neryn forçada a fazer esta perigosa viagem sozinha?
Ou deverá antes confiar na ajuda de um misterioso desconhecido cujos verdadeiros desígnios permanecem por esclarecer?
Perseguida por um império decidido a esmagá-la e sem saber em quem pode confiar, Neryn acabará por descobrir que a sua viagem é um teste e que a chave para a salvação do reino de Alban pode estar nas suas próprias mãos.


Sobre a autora:
Juliet Marillier nasceu na Nova Zelândia, em Dunedin, uma cidade com fortes raízes na tradição escocesa. Licenciou-se com distinção em Linguística e Música, na Universidade de Otago, e tem tido uma carreira variada que inclui o ensino, a interpretação musical e o trabalho em agências governamentais.
Actualmente, Juliet vive numa casa de campo centenária, perto do rio, em Perth, na Austrália, onde escreve a tempo inteiro. É membro da ordem druídica OBOD. Partilha a sua casa com dois cães e um gato. Juliet Marillier é uma autora internacionalmente reconhecida e os seus romances já conquistaram vários prémios.Visite o sítio da autora em: www.julietmarillier.com


Título: Terra Firme
Autor: Matilde Asensi
N.º de Páginas: 208 
PVP: 16,65 €
Disponível a partir de 08 de Novembro


Um romance épico arrebatador.
O primeiro de uma trilogia histórica de aventuras e acção trepidantes que recria de forma magistral a atmosfera e a vida quotidiana das colónias espanholas dos princípios do século XVII.


Da mesma autora espanhola do best-seller O Último Catão, este romance histórico de aventuras, fruto de uma minuciosa e fidedigna investigação, evoca as vozes de tempos de aventura, de um mundo dominado pelas aparências, pela corrupção e leis do sangue. Tempo de grandes riquezas e de grande miséria, quando Espanha era o centro do mundo.
Esta trilogia Martín, Olho de Prata é protagonizada pela intrépida Catalina Solís que, depois de embarcar rumo às ilhas do Caribe, se converterá num dos muitos contrabandistas que na época navegavam naqueles mares.
Sobrevivendo numa ilha deserta durante dois anos, Catalina começa uma nova vida sob o nome de Martín, Olho de Prata. Nada podia levar Catalina Solís a suspeitar, quando embarcou na frota espanhola Os Galeões, com destino ao Caribe, que do outro lado do mar iria encontrar um Novo Mundo cheio de perigos e desafios.
Após escapar a uma abordagem de piratas e sobreviver numa ilha deserta durante dois anos, iniciará uma nova vida sob o nome de Martín Nevares.
Com o pai adoptivo e os marinheiros do Chacona, tornar-se-á num dos contrabandistas que sulcavam os mares no início do século XVII. Uma viagem apaixonante que continua no segundo livro da série, Vingança em Sevilha, já disponível nas livrarias.


Mais de 3 000 000 de leitores em todo o mundo!

Sobre a autora:
Matilde Asensi nasceu em Alicante. Em 1999, publicou o seu primeiro romance, El Salón de Ámbar, que se encontra traduzido em várias línguas. O seu romance seguinte, Iacobus (2000), chegou aos primeiros lugares das listas dos livros mais vendidos e O Último Catão (2001) confirmou-a como a autora da sua geração com maior êxito de crítica e de público. Em 2003, com El Origen Perdido, Matilde Asensi reinventou o género do romance de aventuras. E em Peregrinatio (2004), recuperou as personagens de Iacobus e levou-as ao Caminho de Santiago. Tudo debaixo do Céu (2006) transportou os seus leitores à China do Grande Imperador. Matilde Asensi foi finalista dos Prémios Literários Ciudad de San Sabastián (1995) e Gabriel Miró (1996) e ganhou o primeiro prémio de contos no XV Certamen Literario Juan Ortiz del Barco (1996), de Cádiz, e o XVI Premio de Novela Corta Felipe Trigo (1997), de Badajoz.
Como reconhecimento dos seus romances históricos ganhou o Prémio de Honor de Novela Histórica Ciudad de Zaragoza. Mais informações sobre a autora em www.matildeasensi.net


 
Título: A Guerra dos Tronos
Autor: George R. R. Martin
N.º de Páginas: 192 
PVP: 17,76€
Disponível a 08 de Novembro


JÁ LEU OS LIVROS.
JÁ VIU A SÉRIE.
AGORA, DESFRUTE DA BD.


Este volume inicia a adaptação em banda desenhada de A Guerra dos Tronos, a primeira parte da saga best-seller em todo o mundo, que ocupará os primeiros quatro volumes desta série de graphic novels. George R. R. Martin junta-se ao conhecido romancista Daniel Abraham e ao ilustrador Tommy Patterson para dar uma nova vida à obra-prima da fantasia heróica A Guerra dos Tronos, como nunca foi visto em graphic novels a cores, dando uma visão única do mundo idealizado por Martin.
George R. R. Martin trabalhou dez anos em Hollywood como escritor e produtor de diversas séries e filmes de grande sucesso. Autor de muitos best-sellers, foi em meados dos anos 90 que começou a sua mais famosa obra: A Guerra dos Tronos, que se tornou na saga de fantasia mais vendida dos últimos anos.

Sobre o autor:
Nasceu em 1948, em New Jersey. Trabalhou dez anos em Hollywood como argumentista e produtor de diversas séries e filmes de grande sucesso.
Em meados de anos 90 que começou a sua obra mais famosa, As Crónicas de Gelo e Fogo. Com cinco volumes já publicados, é o maior sucesso do escritor e a saga de fantasia mais vendida dos últimos anos. A primeira obra da colectânea, A Guerra dos Tronos, publicada em 1996, foi adaptada para formato televisivo, pelo canal norte-americano HBO, em 2011. Além da série de televisão, os livros de George R. R. Martin foram adaptados para um grande número de formatos, como jogos de computador ou livros de banda-desenhada. George R.R. Martin é tido como um dos escritores de literatura fantástica de maior sucesso da actualidade, considerado pela revista Time como um dos 100 homens mais influentes do mundo. O autor tem as suas obras traduzidas em 20 línguas e cerca de 15 milhões de livros vendidos em todo o mundo.


Título: Hades
Autor: Alexandra Adornetto 
N.º de Páginas: 356 
PVP: 19,95 €
Disponível a 08 de Novembro


Depois da leitura intensa e viciante de Halo, chega agora o segundo volume desta inesquecível trilogia romântica entre anjos e humanos que já arrebatou o coração dos leitores e apaixonou a Disney.

Uma série empolgante da autora revelação que escreveu este best-seller com apenas 18 anos e que o The New York Times considera que marcou o boom da literatura deste género e a nova tendência de passagem dos vampiros para os anjos.

«Esta série é absolutamente brilhante! Estou apaixonada pelo livro. As personagens são complexas e o enredo como uma montanha-russa de que não se quer sair. A escrita é bem estruturada mas lê-se com grande facilidade e todos o irão adorar. Alexandra Adornetto é um talento inato e mal posso esperar pelo próximo livro da série.» Moonlight Book Reviews


Alexandra Adornetto tem todos os ingredientes neste livro: o Bem e o Mal, anjos, demónios, romance, decepção e corações partidos. Três anjos – Gabriel, o guerreiro; Ivy, a curandeira; e Bethany, a mais jovem e humana de todos – são enviados para levar o Bem a um mundo que sucumbe ao poder das trevas. Neste segundo livro, o anjo Bethany Church está prestes a cometer um grande erro e não tem qualquer razão para o fazer.
Neste momento tem uma vida tranquila com o amor do namorado Xavier Woods e dos irmãos Gabriel e Ivy, mas decide que todos devem ter uma segunda oportunidade e é aliciada por Jake Thorn, para um perigoso passeio de mota.
Nem Xavier nem os irmãos conseguem impedir Bethany de ir para a frente com o seu plano e tarde de mais ela percebe que o passeio acaba no Inferno.

 Uma vez lá, Jake Thorn negoceia a libertação de Beth para que esta possa voltar à Terra. Mas o que ele lhe pede em troca não só a vai destruir, como também, os seus entes queridos. Halo, na sua estreia, entrou directamente para 4.º lugar na lista dos livros mais vendidos do New York Times
A saga não vai parar por aqui e será impossível não suplicar pelo último volume da série, cujos direitos de adaptação para o cinema já foram comprados pela Disney.

Sobre a autora:
Alexandra Adornetto tinha 18 anos quando escreveu este best-seller, e 14 quando publicou o primeiro livro, e The Shadow Thief, na Austrália. Filha de professores de inglês, confessa-se uma compradora de livros compulsiva que, ao ver-se sem espaço nas estantes, amontoa as suas leituras «em pilhas instáveis, no chão do quarto».
Alex vive em Melbourne, na Austrália. Halo marca a sua estreia nos Estados Unidos e na Europa. Pode visitar Alex e a sua extensa rede de amigos no Facebook. 


Título: One Direction - Atreve-te a Sonhar - O Livro 100% Oficial
N.º de Páginas: 288 
PVP: 17,76€
Disponível a 08 de Novembro


A verdadeira história da banda revelação britânica que se transformou no fenómeno popular do momento.

Atreve-te a sonhar é o livro que os verdadeiros fãs vão querer ler antes de assistir ao concerto, em Maio do próximo ano.
«É difícil acreditar como tanta coisa mudou para nós em poucos meses. De cinco rapazes que nem sequer se conheciam uns aos outros até à final do X Factor, à nossa primeira tournée, à gravação do nosso primeiro álbum e a lançar a nossa música, nós escrevemos este livro para que possas conhecer quem realmente somos, de onde viemos e para onde vamos. Esta é a nossa história de vida como One Direction até agora e estamos muito orgulhosos de partilhar tudo convosco! Não é exagero dizer que estamos a ter o momento das nossas vidas agora, e isso não aconteceria se não fossem vocês. Obrigado pelo vosso apoio inacreditável.» One Direction


Formados em 2010, os londrinos One Direction são um quinteto composto por Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Zayn Malik e Niall Horan. Com toda a história da banda até hoje, o livro inclui mais de 150 fotos exclusivas dos cinco rapazes britânicos. 

O primeiro álbum, Up All Night, foi o n.º 1 em doze países, incluindo os Estados Unidos, onde foi a primeira banda europeia a entrar directamente para o 1.º lugar do top dos mais vendidos. O álbum - que popularizou Gotta Be You, One Thing, More Than This ou What Makes You Beautiful - foi disco de Ouro em Portugal, com vendas superiores a 10 mil exemplares.

Título: A Princesa dos Gelos
Autor: Tea Stilton
N.º de Páginas: 280 + 16 páginas a cores
PVP: 16,65€
Nas livrarias a partir de 08 de Novembro


O primeiro romance de uma nova colecção de fantasia, na qual Tea Stilton, bem conhecida dos mais novos, conta as emocionantes aventuras das Princesas do Reino da Fantasia.

Uma história de amor, com príncipes, princesas, magos e criaturas assustadoras. Houve um tempo em que existia o Grande Reino, um vasto território nos confins do Reino da Fantasia.
Um feiticeiro malvado governava sobre todo o reino, até que um valente cavaleiro o derrotou. Depois, baniu a magia e dividiu o reino em cinco, entregando-os às suas filhas: as Princesas do Reino da Fantasia.
No entanto, alguém quer reunificar os Cinco Reinos, alguém que quer conquistar o coração de Nives, a princesa do Reino dos Gelos Eternos.
Para Nives, a princesa do Reino dos Gelos Eternos, protagonista deste romance, chegou o momento de se casar e tornar-se rainha.
No entanto, a chegada à corte de um príncipe misterioso parece mudar para sempre a vida de Nives e do seu reino.
Este livro é ilustrado a preto e branco, e inclui dezasseis páginas a cores com todos os segredos da princesa Nives.
E há mais uma surpresa: a parte interior da sobrecapa transforma-se num fantástico poster da princesa.

Recomendado para crianças a partir dos 10 anos
Esta nova colecção Princesas do Reino da Fantasia é composta por cinco livros diferentes: Princesa dos Gelos; Princesa do Deserto; Princesa dos Corais; Princesa da Escuridão e Princesa das Florestas.


Título: Pocoyo Enfeita o Natal!
Autor: Zinkia
N.º de Páginas: 16 páginas
PVP: 6,60€
Disponível a 08 de Novembro


O Pocoyo vem carregado de fantásticos enfeites para a árvore de Natal, de figuras para colorir, de receitas e jogos natalícios, de cartões de boas festas, e muitas mais surpresas para os mais novos celebrarem em grande a chegada do Natal.
A diversão vai ser total para os mais novos nesta época natalícia! O herói favorito dos pequeninos propõe uma mão cheia de actividades para pais e filhos passarem bons momentos juntos e aprenderem brincando. Uma grinalda com o Pocoyo, bolas para enfeitar a árvore de Natal, um quadro para pendurar no quarto, receitas para fazer e decorar as bolachas da Elly e materiais para fazer os cartões de boas, são algumas das muitas surpresas para descobrir neste livro.
As divertidas cenas com Pocoyo e os seus amigos transformarão a aprendizagem num jogo e ajudarão as crianças a aumentarem a confiança em si mesmas e nas suas próprias capacidades.
A brincar, as crianças aumentam a confiança na sua aprendizagem e adquirem o primeiro contacto com as canetas, lápis e tesouras.

O Pocoyo é um menino curioso, que vive num mundo maravilhoso onde pode perguntar tudo. É uma personagem que os mais pequenos adoram, que lhes transmite confiança e que reconhecem da série televisiva na RTP.



Título: Corações de Bolacha
Autor: Maria Parr
Ilustrações: Sebastião Peixoto 
N.º de Páginas: 168 
PVP: 11,90€
Disponível nas livrarias a partir de 08 de Novembro


O primeiro livro de uma jovem escritora norueguesa, que é já apontada como um dos grandes nomes da literatura juvenil da Escandinávia.
O estrondoso sucesso deste livro catapultou-o de imediato para uma série na televisão da Noruega.


Uma história que faz lembrar a Pipi das Meias Altas, cuja protagonista, Lena, é uma menina de nove anos, de olhos verdes e sardas no nariz, destemida, aventureira e que faz imensos disparates.
Uma história destinada a ser um clássico, actual e inesquecível.
Maria Parr trata com humor e ternura o crescimento e as relações com a família, com os amigos e com o mundo à volta. Trille e Lena são os melhores amigos. Pelo menos Lena é a melhor amiga de Trille, e ele gostava de saber se Lena também o considera o melhor amigo do mundo…
Tem dúvidas, porque Lena não mostra o que lhe vai no coração. Se calhar porque a cabeça dela está sempre ocupada a imaginar novas tropelias e aventuras loucas: Lena é imparável e ninguém pára sossegado com ela naquela pequena aldeia norueguesa, entre o mar e a montanha!


Só o avô e a avó-segunda têm «pedalada» para acompanhar esta dupla de aventureiros, imagine-se! Mas quando a mãe de Lena encontra um novo pai para ela e os amigos têm de se separar, nenhum deles sabe como viver sem o outro… Como irão fazer agora? 
Um primeiro livro que conquistou logo o prémio Brague – um dos mais prestigiados prémios nórdicos para a literatura infantil – e o igualmente prestigiado Prix Sorcière, na tradução francesa.
Desde a sua publicação em 2005, que Corações de Bolacha, se tornou num fenómeno de popularidade, estando já traduzido em todos os países nórdicos, na França, Alemanha, Suiça e Rússia. Para crianças a partir dos 7 anos  

Apresentação do romance "Novembro" de Jaime Nogueira Pinto. Dia 8 de Novembro, 18h30, no café Império. A obra será apresentada por Vasco Graça Moura


Boas Festas com a Bimby!

Título:Boas Festas com a Bimby
Género: Culinária
Formato: 19 x 24,5 cm
N.º de páginas: 160
Data de publicação: 9 de novembro
PVP: 22,20 €


Depois dos sucessos Bimby – Receitas com História e Do Convento para a Bimby, chega este ano um novo livro com receitas para confecionar na “cozinha mais pequena do mundo”.
Um conjunto de receitas especiais para a época festiva de final de ano, muitas delas pela primeira vez adaptadas para a Bimby.
A altura das festas de final de ano é sempre muito conturbada, com muitas compras para fazer e pratos para confecionar. Com a Bimby fica tudo mais fácil: poupa no tempo e no orçamento, apresentando pratos de qualidade excelente e sempre originais.
Receitas de aperitivos, pratos, sobremesas, licores, sugestões de presentes feitos na Bimby, a Vorwerk Portugal desenvolveu um conjunto de receitas que constituem um importante acervo da cozinha tradicional das festas portuguesas da época de Natal e apresenta-as aqui, muitas delas pela primeira vez, ao público.

Passatempo A Última Duquesa

O blogue Marcador de Livros, em conjunto com a Esfera dos Livros, tem para oferecer 1 exemplar do livro de Daisy Goodwin, A Última Duquesa.

Regras do Passatempo:

- O passatempo decorre até às 23:59 do dia 13 de Novembro.
- Para participarem terão de responder acertadamente às três perguntas presentes no formulário abaixo.

- O premiado será sorteado aleatoriamente e o seu nome será publicado neste blogue e o mesmo será avisado por email.

- Só serão permitidas participações a residentes em Portugal e apenas uma por participante e residência.


Passatempo terminado

segunda-feira, 5 de novembro de 2012

Nova obra de Wm. Paul Young desvenda o romance que vendeu 18 milhões de exemplares

Título: A Cabana - Reflexões para todos os dias do ano 
Autor: Wm. Paul Young
Tradução: Rui Azeredo
Págs.: 384 

Capa: mole com badanas
PVP: 15,50 €


O romance A Cabana, de Wm. Paul Young, publicado pela Porto Editora em 2010, é um caso de enorme sucesso: teve, até ao momento, onze edições e vendeu mais de 75 mil exemplares em Portugal. Motivado pelo sucesso de um livro que havia escrito originalmente para os filhos e que atingiu vendas impressionantes (18 milhões de exemplares), o autor decidiu criar uma obra que desvenda o romance. Intitula-se A Cabana - Reflexões para todos os dias do ano e é lançado no nosso país a 13 de novembro.
Relembre-se que, em A Cabana, segundo o próprio autor, «a questão central é a da bondade de Deus». O livro foi escrito em 2005, para explicar aos seis filhos de que forma lidou com as tragédias da sua própria vida. Imprimiu quinze cópias para oferecer à família e a pessoas próximas. Quando estes começaram a pedir-lhe exemplares para enviar a outras pessoas, o autor começou a pensar na possibilidade de fazer chegar a sua história a mais gente. Com a ajuda de um amigo, criou uma editora e fez um investimento que lhe permitiu avançar com uma modesta edição de autor. Hoje, o livro é um êxito avassalador, discutido em todo o mundo.


Sinopse:  

A inspiradora história de A Cabana, que Wm. Paul Young originalmente escreveu para os seus filhos, conquistou o coração de milhões de leitores em todo o mundo e tornou-se um enorme fenómeno literário. Agora, A Cabana - Reflexões para todos os dias do ano dá-lhe a oportunidade de regressar à inesquecível cabana no meio da floresta e encontrar-se novamente com Papá, Sarayu e Jesus. Este livro recupera 365 citações de A Cabana, repletas de significado, e junta-lhes novas reflexões de Wm. Paul Young. Uma leitura fundamental para caminhar pelo lado positivo da vida.

Sobre o autor:
Wm. Paul Young nasceu no Canadá e foi criado pelos pais missionários numa tribo nas montanhas do que era a Nova Guiné. Sofreu grandes perdas enquanto criança e jovem adulto, e vive atualmente em “estado de graça” com a família, no estado de Oregon, nos EUA.

Assírio & Alvim - Convite - 'Rumor Branco', de Almeida Faria


Resultado do passatempo A Rainha Adúltera

Obrigada a todos que participaram no passatempo "A Rainha Adúltera" realizado entre o Marcador de Livros e a Esfera dos Livros.
 

A feliz contemplada com um exemplar do livro é:
Cláudia Sofia Anjos Ribeiro (Aveiro)

Além de o seu nome figurar no blogue, o contemplado foi ainda avisado através de email.

domingo, 4 de novembro de 2012

Tóquio - Mo Hayder [Opinião]


Título: Tóquio
Autor: Mo Hayder

Grey, obcecada por um passado que não consegue compreender, vai para Tóquio à procura de um filme raro que anda perdido há décadas. Um filme feito durante o famoso massacre de Nanquim, em 1937. Há quem diga que o filme nunca existiu. Apenas um homem pode ajudar Grey. Um sobrevivente do massacre. Hoje professor universitário em Tóquio. Imerso nos seus livros e desconfiado de desconhecidos, no início quase que se recusa a falar com Grey. Cada vez mais desesperada numa cidade estranha onde não conhece ninguém, Grey aceita trabalhar como acompanhante num clube de nomeada cuja clientela é formada por homens de negócios e mafiosos abastados. Um mafioso domina. É um velho confinado a uma cadeira de rodas guardado por um séquito temível, e diz-se que tem em seu poder um elixir poderoso para lhe prolongar a vida. Um elixir que muitos desejam para si próprios - a qualquer preço...

A minha opinião:
Para quem já conhece Mo Hayder não se admira da sua escrita, das histórias cruéis e inimagináveis que conta aos seus ávidos leitores. No entanto, este chocou-me mais do que qualquer outro livro que já tenha lido dela, porque pode conter algum fundo de verdade. É certo e sabido que houve e continua a haver massacres ao longo da nossa história, mas confesso que este entre chineses e japoneses não tinha conhecimento. O massacre de Nanquim viria a fazer 300 000 vítimas e Mo Hayder aproveita fazer uma história dentro da própria História real.

É certo que este livro é ficção e os relatos impressionantes do que foi feito aos chineses por parte dos seus vizinhos não aconteceram, mas faz-nos pensar que podem muito bem ter sido semelhantes… e, no final do livro, Hayder levanta uma questão, que talvez tenha sido o ponto de partida para a escrita deste livro, muito parecida com a génese da história: um filme com imagens de parte do massacre e que continua desaparecido.

Mo Hayder mostra uma cidade obscura, mas cuja vida é facilmente facilitada a quem não se coíbe de trabalhar em qualquer coisa. Quando a protagonista decide sair de Inglaterra para tirar teimas de uma história que tinha tomada conhecimento e aterra em Tóquio, praticamente sem dinheiro para sobreviver, tudo parece mais fácil quando decide trabalhar como acompanhante num clube. E é nesse mesmo clube que vai encontrar as respostas para todas as suas questões.

Depois junta-se a máfia japonesa, a medicina tradicional japonesa, à tentativa de visionar o filme que se encontra nas mãos de um velho professor, passando pela procura do elixir da vida eterna.