quinta-feira, 25 de maio de 2017

A Mulher Oculta - Karin Slaughter [Opinião]

Título: A Mulher Oculta
Autor: Karin Slaughter
Editor: HARPERCOLLINS
Páginas: 512

Sinopse:
Maridos e esposas. Mães e filhas. o passado e o futuro.
Os segredos unem-nos e os segredos podem destruí-los.

A autora do famoso Flores cortadas regressa com um eletrizante thriller, muito complexo emocionalmente, e que submergirá o protagonista nas obscuras profundidades de um caso que pode destruí-lo.

A descoberta de um assassinato numa obra abandonada, conduz Will Trent e o Bureau de Investigação da Geórgia a um caso que se torna muito mais perigoso quando o cadáver é identificado como sendo o de um ex-polícia.

Depois de fazer a autópsia, Sara Linto, a nova forense do GBI e amante de Will, descobre que a grande quantidade de sangue encontrada não pertence à vítima. Decerto, um rasto de sangue que não encaixa na cena do crime, indica que há outra vítima, uma mulher que desapareceu… e, se não a encontrarem rapidamente, morrerá.

A cena do crime pertence ao habitante mais famoso da cidade: um atleta rico, poderoso e politicamente bem relacionado, protegido pelos advogados mais caros dos Estados Unidos, um homem que já se tinha livrado de um caso de violação, apesar dos esforços de Will para o prender.

Mas o pior ainda está para vir. As provas ligam o passado turbulento de Will ao caso… e as consequências irão arrasar a sua vida com a força de um tornado, causando estragos a Will e a todos os que estão à sua volta, inclusive aos seus colegas, familiares, amigos e também aos suspeitos que persegue.

A minha opinião: 
Quando o corpo de um ex-polícia é encontrado num edifício abandonado de uma antiga discoteca, surge um novo caso para Will Trent, detective fetiche de Karin Slaughter. A autora norte-americana publicou já oito livros da serie, embora no nosso país não tenham sido editados todos, nem sequer sequencialmente, o que desagrada a maior parte dos leitores.

Não sou daquelas leitoras fanáticas pelas séries todas certinhas. Não deixo de ler um livro por não estar a série completa ou porque está desordenada, mas também não gosto de andar a saltitar as histórias pessoais das personagens principais, sobretudo quando gosto bastante delas.

Por cá, o livro saltou do quarto para a oitavo livro da série (A Mulher Oculta é o número oito) e isso deixa algumas lacunas entre as personagens e muito mudou nas suas vidas.

No entanto, a história principal que é o que realmente importa, não perde nada, já que o ritmo é empolgante e muito gráfica.

O ex-detective assassinado é bem conhecido de toda a equipa de investigação. Aliado a isso, o palco onde decorreu o crime é uma discoteca, pertença de um antigo atleta, rico e famoso, acusado anteriormente de violação de uma jovem estudante, embora nunca tenha sido condenado pelo crime.

Sem me querer alongar muito na história, até porque revelaria muito da vida de Will e Sara, (embora a sinopse já revela que estão juntos) este assassinato vai abalar a relação de ambos. Isto porque à medida que a investigação avança vão surgindo novos factos e as análises vão revelar que a mulher que esteve na cena do crime também é conhecida da equipa.

Se Will está com Sara os leitores vão perguntar-se onde andará Angie. Será respondido neste livro? O que trará?

Muito se passou entretanto e tudo é surpresa para quem não leu a série seguida. Mas esta surpresa também acaba por ser boa, porque partimos para a história completamente em branco, o que a torna ainda mais emocionante.

Um livro fantástico, um dos melhores que li este ano, e que me deixa desejosa para que a série seja toda publicada por cá. E já agora pela ordem.

2 comentários:

Carolina disse...

Estou bastante curiosa com este livro!! Já ouvi maravilhas acerca desta autora, mas ainda não li nada dela... no entanto, já arranjei Tríptico (que penso que é o primeiro livro da série?) e quero ver se o leio nas férias de verão!

Já há algum tempo que não visitava o seu blogue, mas tenho de lhe dizer que adoro o novo layout!! Está muito bom, mesmo!

Convido-a a visitar também o meu blogue, o qual espero que também lhe agrade!

Beijinhos e desejos de uma boa semana,
Carolina - http://leiturasdacarolina.blogspot.pt

Maria Manuel Magalhaes disse...

Olá Carolina, se és fã de livros policiais não deves perder mesmo de ler esta autora. Sim, Tríptico é o primeiro livro da série ;)

Obrigada, eu também adoro. Foi feito mesmo com muito gosto.

Sou seguidora do blogue e da página do facebook. E tenho reparado que temos alguns gostos em comum ;)

Beijinhos e boas leituras