terça-feira, 29 de março de 2016

Novidade Guerra e Paz: Só no escuro podes ver as estrelas de Cristina Boavida

Título: Só no escuro podes ver as estrelas
Autor: Cristina Boavida
N.º de Páginas: 288
PVP: 15,50 €
Género: Ficção/Romance
Nas livrarias a 6 de Abril
Guerra e Paz Editores|Clube do Livro SIC

Sinopse:
Deixemos falar Sofia, a protagonista deste romance:

«A polícia acha que roubei o carro de Pedro. E não tar­da nada, também vai descobrir que não paguei a conta do hotel na praia. Isto para não falar nos assaltos aos bancos e na gasolina que ficou por pagar no Alentejo.

Estou a ser perseguida por um grupo de tresloucados…

Um quer à força fazer-me testes ao cérebro. Outra odeia-me porque acha que lhe quero roubar o namorado, o que, confesso, não deixa de ter algum fundo de verdade.

E como se isto tudo não bastasse, estou para aqui fei­ta parva, apaixonada por um gajo que não só não gosta de sexo como pode, a qualquer momento, desaparecer da face da Terra.

Apaixonada?»


Este é o estado de espírito de Sofia, depois da noite em que tudo mudou. Antes, estava desempregada, tinha um namorado desinte­ressante e vivia com uma mãe deprimida.

Mas de uma noite para a outra, o seu mundo fica virado do aves­so e um estranho entra na sua vida.

Sofia nem consegue acreditar... que lhe caiu um homem do céu... literalmente.

Sobre a autora:
Cristina Boavida. É jornalista desde 1988. Começou a sua car­reira na RTP e desde 2002 trabalha na SIC, onde se distinguiu sobretudo na área da re­portagem.
Recebeu vários prémios de jornalismo: o Prémio do Clube de Imprensa, em 2001, o Prémio do Alto Comissariado para a Imi­gração e Minorias Étnicas, em 2003, o Pré­mio Cáceres Monteiro, em 2008, o Prémio Novartis Onchology, em 2008, o Prémio da ANMP, em 2009, e o Prémio AMI, em 2012.
Além do jornalismo, já fez trabalhos na área da ficção e da realização cinematográ­fica, dos quais se destacam a autoria do te­lefilme Amo-te Teresa, que em 2001 recebeu um Globo de Ouro, e do guião de A Noiva, realizado por Luís Galvão Teles.


Sem comentários: