sexta-feira, 12 de fevereiro de 2016 | By: Maria Manuel Magalhaes

Novidade Booksmile: O Número das Estrelas - um dos 100 melhores livros de sempre para jovens

Título: O Número das Estrelas
Autor: Lois Lowry
N.º de Páginas: 144
PVP: 10,99€
Saída 15 fevereiro

Com mais de 2,5 milhões de livros vendidos, O Número das Estrelas é um êxito mundial. Distinguido com a medalha Newbery, o mais importante prémio infantojuvenil norte americano, este clássico foi considerado pela revista Time um dos 100 melhores livros de sempre para jovens.
Lois Lowry, vencedora de duas medalhas Newbery, com os títulos O Número das Estrelas e The Giver, entre muitos outros prémios, é conhecida pela sua versatilidade e criatividade como escritora, sendo autora de mais de 30 livros para jovens.
Nasceu no Havai, mas viveu em diversos locais dos Estados Unidos e também no Japão. Casou-se cedo e, durante muito tempo, dedicou-se quase exclusivamente à família. Só mais tarde se voltou para a escrita profissional. Vive no nordeste dos EUA, numa quinta do século XVIII.

Sinopse:
Estamos em 1943. Para Annemarie, a vida em Copenhaga passa-se entre a casa e a escola, dificultada pela escassez de comida e pela presença constante de soldados nazis nas ruas. A coragem parece uma virtude distante, apenas ao alcance dos cavaleiros das histórias de príncipes e princesas que Annemarie conta à irmã Kirsti, antes de ela adormecer.
Quando as tropas alemãs intensificam a campanha para «transferir» todos os judeus da Dinamarca, os pais de Annemarie acolhem Ellen, a sua melhor amiga, fingindo que têm três filhas. As meninas vivem como irmãs até ao dia em que se torna evidente que algo mais precisa de ser feito para salvar Ellen e a respetiva família, assim como os restantes judeus da Dinamarca.
Vista pelos olhos de uma menina de 10 anos, esta é uma história baseada em factos reais que conta os esforços da Resistência dinamarquesa para salvar todos os judeus do país - perto de 700 mil pessoas,
fazendo-os atravessar o mar até à Suécia. Um livro recheado de esperança e heroísmo, que nos mostra como a solidariedade é possível, mesmo em tempos de guerra e horror.

«Um livro essencial e comovente.» - John Boyne, autor de O Rapaz do Pijama às Riscas