sexta-feira, 25 de junho de 2010 | By: Maria Manuel Magalhaes

O Jogo do Acaso - Penny Vincenzi [Opinião]

-->
Título: O Jogo do Acaso
Autor: Penny Vincenzi
N.º Págs.: 608
P.V.P.: 17,70€


Em O Jogo do Acaso, uma fracção de segundo foi quanto bastou para que o caos se instalasse na congestionada auto-estrada que liga Londres ao País de Gales. Um acidente de viação de grandes proporções gera o pânico, substitui a confiança pelo medo e a impotência toma conta dos presentes.
Jonathan, um obstetra carismático e bem-sucedido; Toby, o noivo com um segredo obscuro a caminho do seu casamento, e o seu leal amigo Barney; Georgia, uma jovem aspirante a actriz, desesperada por chegar a Londres para uma audição importante que poderá lançar a sua carreira; Mary, a viúva que percorre centenas de quilómetros para reencontrar o seu primeiro amor, que não vê há mais de 50 anos; William, o agricultor que presencia o drama que se desenrola no outro lado da encosta; e Emma, a atraente médica do hospital da zona que presta assistência aos sinistrados. De um momento para o outro, ver-se-ão enredados num poderosíssimo jogo de acção-consequência, cujos efeitos mudarão as suas vidas irremediavelmente. Mas será para melhor ou para pior?
Poderá alguém sobreviver à inevitabilidade do acaso?

A minha opinião:
Conheci Penny Vincenzi através do livro Cruel Abandono, também editado pela Porto Editora. Na altura, adorei o livro e as expectativas eram muito grandes.
O mais recente O Jogo do Acaso não me desiludiu. Se em Cruel Abandono a autora colocou como protagonistas três jovens amigas, em O Jogo do Acaso são muitas as personagens interessantes e com algum mistério.
O nome do livro não poderia ter sido melhor escolhido porque de facto é do acaso que trata a história principal. Um acidente numa estrada muito movimentada vai mudar para sempre a vida da maior parte das pessoas que estiverem envolvidas no mesmo. Casamentos e noivados vão acabar, muitas pessoas se apaixonarão, segredos virão a lume, e um amor com cerca de 60 anos por pouco que não se desvanece.
Sem nunca ser chata nas mais de 600 páginas que contém o livro, Penny Vincenzi atrai o leitor para as histórias de cada uma das personagens, cada uma mais interessante que outra. Brinda-nos com a fulgurosa Abi que põe em risco um casamento de mais de 13 anos, a insegura Georgia que vai ter o trabalho mais importante da sua jovem vida, de Mary e Russell, eternos apaixonados a quem a guerra separou, Barney o padrinho de um casamento que vai ser traído pelo seu melhor amigo, William, um jovem e culto agricultor que presencia o acidente, Emma, Alex, Linda, Laura, entre muitos outros. Para quem gosta de romances em que tudo acaba bem, não pode perder este novo livro da escritora britânica.

1 marcadores:

N & B disse...

Olá

O primeiro livro que li da autora foi o escandalo e devo dizer que fiquei rendida, adorei tanto quanto este.
Recomendo vivamente

bookmaniacas.blogspot.com